Ílhavo

1.Costa Nova do Prado (Virgem da Saúde)

2.Gafanha do Carmo (Virgem do Carmo)

-Requerimento para construção e bênção da capela com invocação de Nossa Senhora do Carmo, edificada no lugar da Gafanha, pedido pelos seus moradores. 1867-12-28 
(AUC, Cabido de Coimbra, Instituições pias, cx X, doc. 23). 


3.Gafanha da Encarnação (Virgem da Encarnação)

4.Gafanha da Nazaré (Virgem da Nazaré)

- Inventário da Igreja Matriz da Gafanha da Nazaré; Capela da Senhora dos Navegantes.  1911-08-31. (ACMF/Arquivo/CJBC/AVE/ILH/ARROL/001)

5.Praia da Barra (Sagrada Família)

-Auto de revista da capela de São João Baptista, mandada construir na Barra por João Pedro Soares da freguesia da Senhora da Glória de Aveiro. 1880-06-15 
(AUC, Cabido de Coimbra, Instituições pias, cx III, doc. 11).


6.São Salvador de Ílhavo (São Salvador)

-Memória Paroquial de Ílhavo, 1758 (Memórias paroquiais, vol. 18, nº (J) 17, p. 105 a 146)

-Autos de licença para construção de uma capela dedicada às Almas do purgatório, na Vila de Ílhavo, em local onde está colocada uma medalha representativa das Almas, que pela fama dos seus prodígios tem aumentado a sua veneração. 1760-06-21 
(AUC, Cabido de Coimbra, Instituições pias, cx XI, doc. 2). 

-Requerimento apresentado pelo padre João Nunes da Costa a pedir que lhe seja concedida licença para ser sepultado na capela das Almas. 1777-11-07 
(AUC, Cabido de Coimbra, Instituições pias, cx I, doc. 37).

-Autos de justificação que pretendem fazer Martinho Soares da Cunha e sua mulher Vicência Teles Mendonça e Meneses, da Freguesia de Ílhavo sobre a propriedade de uma sepultura na capela de Nossa Senhora do Pranto. 1777-11-22 
(AUC, Cabido de Coimbra, Instituições pias, cx XI, doc. 3).

-Autos de requerimento de licença pedidos pelos actuais mordomos da confraria de Nossa Senhora do Pranto, da Vila de Ílhavo, para bênção da sua capela a fim de nela se poder celebrar. 1790-08-13 
(AUC, Cabido de Coimbra, Instituições pias, cx XI, doc. 4).

-Autos de licença pedidos pelo sargento-mor Luís Dias Aveiro, morador no lugar da Légua, freguesia de Ílhavo, para erigir uma capela com invocação de Nossa Senhora da Conceição em agradecimento por ter sido salvo do perigo de vida que correu aquando do embarque para o Brasil. Contém também autos de licença pedidos pelo suplicante para ser sepultado na capela que construiu (1759). 1727-05-13 
(AUC, Cabido de Coimbra, Instituições pias, cx XI, doc. 18).

-Autos de licença que pede António de Freitas, natural de Aveiro e morador numa quinta que possui na freguesia de Ílhavo, para aumentar a capela com invocação de Santa Bárbara, mas sem remodelar o altar. 1745-12-16 
(AUC, Cabido de Coimbra, Instituições pias, cx XI, doc. 1). 
-Breve Papa Clemente XIVde jubileu das quarenta horas à Igreja Matriz de Ílhavo, 1774-06-30 (Arquivo da Paróquia de São Salvador de Ílhavo, PILH04)


-Sobre os arrolamentos de bens efectuados pela Comissão Concelhia de Ílhavo. 1913-04-23. (ACMF/Arquivo/CJBC/AVE/ILH/ADMIN/005)

-Cedência de terreno do passal de Ílhavo para alargamento do mercado, á Câmara Municipal do concelho de Ílhavo. 1914-05-31 a 1916-03-27. (ACMF/Arquivo/CJBC/AVE/ILH/CEDEN/001)

-Pedido de certidão de Manuel Marques de Almeida, proprietário, residente em Ílhavo, que lhe certificasse qual o tombo ou título legal donde consta a existência de um foro de 4 escudos, que se diz ter pertencido ao passal do pároco da freguesia de São Salvador e incidir sobre parte de um pomar sito em Alqueidão. 1918-08-07 a 1918-09-04. 
(ACMF/Arquivo/CJBC/AVE/ILH/ADMIN/008)


-Cedência à Câmara Municipal de Ílhavo do antigo presbitério e terreno anexo para instalação de escolas, biblioteca e museu municipal. 1926-12-22 a 1927-02-25. (ACMF/Arquivo/CJBC/AVE/ILH/ADMIN/011) 


-Sobre a incorporação na Fazenda Nacional de um terreno sito na Avenida Samuel Maia, e que fazia parte do passal da freguesia de São Salvador, sendo requerentes José Nunes da Fonseca e Júlio Gonçalves Figueiredo. 1923-05-15 a 1927-03-25. (ACMF/Arquivo/CJBC/AVE/ILH/TRANS/002)

-Cedência à Câmara Municipal de uma faixa de terreno pertencente ao passal do pároco da freguesia de Ílhavo, para a construção de um quartel para os Bombeiros Voluntários. 1931-09-01 a 1931-11-23. 
(ACMF/Arquivo/CJBC/AVE/ILH/CEDEN/002)


-Cedência de 750 metros quadrados de terreno que faz parte da cerca da residência paroquial para a projectada construção dos novos paços do concelho à Câmara Municipal de Ílhavo. 1938-03-09 a 1939-04-01. (ACMF/Arquivo/CJBC/AVE/ILH/ADMIN/013)

-Entrega de bens à corporação encarregada do culto na freguesia de Ílhavo, nos termos do Decreto nº 11887. 1926-10-27 a 1928-03-06. (ACMF/Arquivo/CJBC/AVE/ILH/ADMIN/001)

-Entrega de bens na freguesia de São Salvador de Ílhavo, ao abrigo do Decreto-Lei nº 30615. 1941-02-18 a 1945-11-07 (ACMF/Arquivo/CJBC/AVE/ILH/ADMIN/002)


-Pedido de cedência de uma dependência do Asilo da Senhora do Pranto da vila de Ílhavo afim de nela ser ministrada a instrução militar preparatória nos dias de chuva. 1916-11-04 (ACMF/Arquivo/CJBC/AVE/ILH/ADMIN/007)

-Tombo de demarcação e reconhecimento do Couto da Ermida, 1586-1589 (Arquivo da Universidade de Coimbra, Mitra de Coimbra, PT/AUC/DIO/MECBR/03/53)